Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Curly aos Bocadinhos

Curly aos Bocadinhos

O Meu Umbigo...

Claudia Silva.JPG


Ontem foi daqueles dias em que fui acompanhada por uma valente enxaqueca...daquelas tipo sombra, que nos perseguem a cada segundo. Para além da enxaqueca, tinha uma daquelas pedradas de sono, porque foram poucas as horitas de almofada. Com a estupidez ao mais alto nível, tentei acordar ao ritmo de cafés! E foi pior a emenda que o soneto! Continuei com sono, com enxaqueca e fiquei completamente destrambelhada com o excesso de cafeína. Prometi a mim mesma que iria deitar-me mais cedo para recuperar horas de sono e dar descanso à enxaqueca, que é um bicho que gosta de sossego e escuro.


Mas ontem era uma noite especial. Fico feliz quando concretizo algum dos meus sonhos e fico igualmente feliz quando alguém de quem gosto também concretiza um dos seus.


E ontem foi noite de sonho tornado realidade. Foi noite de lançamento de livro. Foi noite de mostrar o Umbigo...


De livro novo debaixo do braço, voltei para casa e, como ainda era cedo, decidi começar a desfolhar, um pouco ávida confesso, páginas escritas por alguém que conheço e de quem gosto muito.


Conclusão, li o livro de um trago. Não o consegui largar enquanto não acabei. Ri-me que nem uma perdida com alguns textos mais mordazes, com as bocas um pouco badalhocas mas que têm tanta graça...enfim, valeu a pena.


O problema foi que, por esse facto, adiei a hora do soninho e, contra todos os meus planos, caí nos braços de Morfeu já um pouco tarde na noite. E, até lá cair andei aos tropeções pela casa e esqueci-me do despertador. Portanto, hoje acordei com o sol, o que quer dizer que o meu primeiro pensamento do dia foi "Fónix, estou atrasada!", a minha enxaqueca revoltou-se e está pior hoje do que ontem quando me deitei e, para não variar, estou com umas olheiras que metem medo ao susto.


Ontem, fui bastante espicaçada para eu própria escrever, porque não, o meu livrito. Sim, porque não? Afinal, acho que todos temos o desejo secreto de publicar um livro. Só tenho um petit problème: e texto? Sim, porque um livro tem de ter conteúdo. Isto não é 100% verdade, até porque eu tenho "O Livro Branco"...mas é 99,9%. Digamos que texto ainda não tenho, mas acho que já tenho título...


"As minhas olheiras e o porquê de não haver um fond-de-teint que as disfarce!"


Cláudia Matos Silva, um nome a não esquecer!


Prof. Marcelo Rebelo de Sousa, devia ter estado no Centro Cultural de Cascais ontem! O que andava a fazer? Com franqueza!


Desenganem-se com o título. Não é um livro egocêntrico, nem é o livro de uma “tita” com preocupações de “corpo Danone”.


É um livro pessoal, de alguém que é igual a si própria quando escreve e tem ainda mais graça pela coragem de pôr por escrito trocadilhos que não lembram a ninguém e por afirmar tão bem os seus gostos e convicções.


Parabéns pela escolha do título e da capa!


Parabéns pelo sonho!


 

E ainda dizem que as pessoas não mudam...

[Error: Irreparable invalid markup ('<img [...] 200px-ratzinger_szczepanow_2003_11.jpg?>') in entry. Owner must fix manually. Raw contents below.]

<P align=center><IMG height=160 alt="<img alt=" src="http://curlyadereaoblog.blogs.sapo.pt/arquivo/200px-Ratzinger_Szczepanow_2003_11.jpg" width=222 border=0 200px-Ratzinger_Szczepanow_2003_11.jpg?> <IMG height=160 alt=f345513c75bf44caa300988136ed57d5.jpg src="http://curlyadereaoblog.blogs.sapo.pt/arquivo/f345513c75bf44caa300988136ed57d5.jpg" width=222 border=0> </P>
<P align=left><STRONG><FONT face=georgia color=#0099cc size=2>             (Cardeal Joseph Ratzinger)                            (Papa Bento XVI)</FONT></STRONG></P>
<P align=center><STRONG><FONT face=Georgia color=#0099cc size=2>Descubra as diferenças!</FONT></STRONG></P>
<P align=center><STRONG><FONT face=Georgia color=#0099cc size=2>***</FONT></STRONG></P><FONT face=Georgia color=#0099cc size=2>
<P class=MsoNormal style="MARGIN: 0cm 0cm 0pt"><SPAN lang=PT style="FONT-SIZE: 10pt; LINE-HEIGHT: 150%; FONT-FAMILY: 'Palatino Linotype'; mso-ansi-language: PT"><FONT color=#0099cc>Como é do conhecimento nacional, está a decorrer a visita papal a solo turco.<?xml:namespace prefix = o ns = "urn:schemas-microsoft-com:office:office" /><o:p></o:p></FONT></SPAN></P>
<P class=MsoNormal style="MARGIN: 0cm 0cm 0pt"><SPAN lang=PT style="FONT-SIZE: 10pt; LINE-HEIGHT: 150%; FONT-FAMILY: 'Palatino Linotype'; mso-ansi-language: PT"><o:p><FONT color=#0099cc> </FONT></o:p></SPAN></P>
<P class=MsoNormal style="MARGIN: 0cm 0cm 0pt"><SPAN lang=PT style="FONT-SIZE: 10pt; LINE-HEIGHT: 150%; FONT-FAMILY: 'Palatino Linotype'; mso-ansi-language: PT"><FONT color=#0099cc>Até aqui, tudo normal. É função do Papa espalhar a palavra do Senhor por todo o mundo e, como os CTT têm estado em greve e o senhor já tem uma certa idade e não percebe lá muito de tecnologias tipo Email e Messenger, tem de ir lá pessoalmente.<o:p></o:p></FONT></SPAN></P>
<P class=MsoNormal style="MARGIN: 0cm 0cm 0pt"><SPAN lang=PT style="FONT-SIZE: 10pt; LINE-HEIGHT: 150%; FONT-FAMILY: 'Palatino Linotype'; mso-ansi-language: PT"><o:p><FONT color=#0099cc> </FONT></o:p></SPAN></P>
<P class=MsoNormal style="MARGIN: 0cm 0cm 0pt"><SPAN lang=PT style="FONT-SIZE: 10pt; LINE-HEIGHT: 150%; FONT-FAMILY: 'Palatino Linotype'; mso-ansi-language: PT"><FONT color=#0099cc>Contudo, era patente o descontentamento dos Turcos com esta visita, manifestado por vários milhares de pessoas, pelo que Sua Santidade se viu rodeado de fortes medidas de segurança.<o:p></o:p></FONT></SPAN></P>
<P class=MsoNormal style="MARGIN: 0cm 0cm 0pt"><SPAN lang=PT style="FONT-SIZE: 10pt; LINE-HEIGHT: 150%; FONT-FAMILY: 'Palatino Linotype'; mso-ansi-language: PT"><o:p><FONT color=#0099cc> </FONT></o:p></SPAN></P>
<P class=MsoNormal style="MARGIN: 0cm 0cm 0pt"><SPAN lang=PT style="FONT-SIZE: 10pt; LINE-HEIGHT: 150%; FONT-FAMILY: 'Palatino Linotype'; mso-ansi-language: PT"><FONT color=#0099cc>A propósito desta visita do Papa à Turquia, José Rodrigues dos Santos entrevistava ontem um Cardeal, acho eu, porque já apanhei aquilo a meio, cujo nome não captei, mas também para o caso não interessa. E perguntava-lhe sobre qual o motivo que fez o Papa Bento XVI mudar tão radicalmente de opinião quanto à entrada da Turquia na União Europeia.<o:p></o:p></FONT></SPAN></P>
<P class=MsoNormal style="MARGIN: 0cm 0cm 0pt"><SPAN lang=PT style="FONT-SIZE: 10pt; LINE-HEIGHT: 150%; FONT-FAMILY: 'Palatino Linotype'; mso-ansi-language: PT"><o:p><FONT color=#0099cc> </FONT></o:p></SPAN></P>
<P class=MsoNormal style="MARGIN: 0cm 0cm 0pt"><SPAN lang=PT style="FONT-SIZE: 10pt; LINE-HEIGHT: 150%; FONT-FAMILY: 'Palatino Linotype'; mso-ansi-language: PT"><FONT color=#0099cc>Quando era uma das personagens do pontificado de João Paulo II, o Cardeal Joseph Ratzinger afirmou publicamente, em 2004, que a entrada da Turquia na UE seria "um grande erro".<o:p></o:p></FONT></SPAN></P>
<P class=MsoNormal style="MARGIN: 0cm 0cm 0pt"><SPAN lang=PT style="FONT-SIZE: 10pt; LINE-HEIGHT: 150%; FONT-FAMILY: 'Palatino Linotype'; mso-ansi-language: PT"><FONT color=#0099cc>Agora, o Papa Bento XVI afirma publicamente “Queremos que a Turquia faça parte da UE”. Daí a sua visita a território turco, numa tentativa de aproximação da Turquia à UE.<o:p></o:p></FONT></SPAN></P>
<P class=MsoNormal style="MARGIN: 0cm 0cm 0pt"><SPAN lang=PT style="FONT-SIZE: 10pt; LINE-HEIGHT: 150%; FONT-FAMILY: 'Palatino Linotype'; mso-ansi-language: PT"><o:p><FONT color=#0099cc> </FONT></o:p></SPAN></P>
<P class=MsoNormal style="MARGIN: 0cm 0cm 0pt"><SPAN lang=PT style="FONT-SIZE: 10pt; LINE-HEIGHT: 150%; FONT-FAMILY: 'Palatino Linotype'; mso-ansi-language: PT"><FONT color=#0099cc>A mim, parece-me perfeitamente pertinente a pergunta de Rodrigues dos Santos. Também eu fiquei curiosa quanto a estas duas diametralmente opostas afirmações vindas da mesma pessoa, sobre uma questão de interesse internacional.<o:p></o:p></FONT></SPAN></P>
<P class=MsoNormal style="MARGIN: 0cm 0cm 0pt"><SPAN lang=PT style="FONT-SIZE: 10pt; LINE-HEIGHT: 150%; FONT-FAMILY: 'Palatino Linotype'; mso-ansi-language: PT"><o:p><FONT color=#0099cc> </FONT></o:p></SPAN></P>
<P class=MsoNormal style="MARGIN: 0cm 0cm 0pt"><SPAN lang=PT style="FONT-SIZE: 10pt; LINE-HEIGHT: 150%; FONT-FAMILY: 'Palatino Linotype'; mso-ansi-language: PT"><FONT color=#0099cc>Achei curioso que o entrevistado, com a pose que normalmente caracteriza membros da Igreja, se tivesse limitado a justificar a questão dizendo que “O Cardeal Ratzinger” se manifestou contra a entrada da Turquia na UE. Esperávamos todos, digo eu, mais qualquer coisa, mas daquela boca não foi proferida mais nenhuma palavra.<o:p></o:p></FONT></SPAN></P>
<P class=MsoNormal style="MARGIN: 0cm 0cm 0pt"><SPAN lang=PT style="FONT-SIZE: 10pt; LINE-HEIGHT: 150%; FONT-FAMILY: 'Palatino Linotype'; mso-ansi-language: PT"><o:p><FONT color=#0099cc> </FONT></o:p></SPAN></P>
<P class=MsoNormal style="MARGIN: 0cm 0cm 0pt"><SPAN lang=PT style="FONT-SIZE: 10pt; LINE-HEIGHT: 150%; FONT-FAMILY: 'Palatino Linotype'; mso-ansi-language: PT"><FONT color=#0099cc>Rodrigues dos Santos, com um ar bastante sarcástico, devolveu-lhe a pergunta, do género…”Sim, mas agora afirma o contrário”…”o que o levou a mudar de opinião?”…<o:p></o:p></FONT></SPAN></P>
<P class=MsoNormal style="MARGIN: 0cm 0cm 0pt"><SPAN lang=PT style="FONT-SIZE: 10pt; LINE-HEIGHT: 150%; FONT-FAMILY: 'Palatino Linotype'; mso-ansi-language: PT"><FONT color=#0099cc>E o entrevistado voltava a dizer que “O Cardeal Ratzinger” se tinha manifestado contra.<o:p></o:p></FONT></SPAN></P>
<P class=MsoNormal style="MARGIN: 0cm 0cm 0pt"><SPAN lang=PT style="FONT-SIZE: 10pt; LINE-HEIGHT: 150%; FONT-FAMILY: 'Palatino Linotype'; mso-ansi-language: PT"><FONT color=#0099cc>“Sim, mas não estamos a falar da mesma pessoa?”…<o:p></o:p></FONT></SPAN></P>
<P class=MsoNormal style="MARGIN: 0cm 0cm 0pt"><SPAN lang=PT style="FONT-SIZE: 10pt; LINE-HEIGHT: 150%; FONT-FAMILY: 'Palatino Linotype'; mso-ansi-language: PT"><FONT color=#0099cc>…Silêncio…<o:p></o:p></FONT></SPAN></P>
<P class=MsoNormal style="MARGIN: 0cm 0cm 0pt"><SPAN lang=PT style="FONT-SIZE: 10pt; LINE-HEIGHT: 150%; FONT-FAMILY: 'Palatino Linotype'; mso-ansi-language: PT"><o:p><FONT color=#0099cc> </FONT></o:p></SPAN></P>
<P class=MsoNormal style="MARGIN: 0cm 0cm 0pt"><SPAN lang=PT style="FONT-SIZE: 10pt; LINE-HEIGHT: 150%; FONT-FAMILY: 'Palatino Linotype'; mso-ansi-language: PT"><FONT color=#0099cc>Bom, ao que parece o motivo foi mesmo uma mudança de título.<o:p></o:p></FONT></SPAN></P>
<P class=MsoNormal style="MARGIN: 0cm 0cm 0pt"><SPAN lang=PT style="FONT-SIZE: 10pt; LINE-HEIGHT: 150%; FONT-FAMILY: 'Palatino Linotype'; mso-ansi-language: PT"><FONT color=#0099cc>Enquanto Cardeal era contra. Enquanto Papa é a favor. E está dito!<o:p></o:p></FONT></SPAN></P>
<P class=MsoNormal style="MARGIN: 0cm 0cm 0pt"><SPAN lang=PT style="FONT-SIZE: 10pt; LINE-HEIGHT: 150%; FONT-FAMILY: 'Palatino Linotype'; mso-ansi-language: PT"><o:p><FONT color=#0099cc> </FONT></o:p></SPAN></P>
<P class=MsoNormal style="MARGIN: 0cm 0cm 0pt"><SPAN lang=PT style="FONT-SIZE: 10pt; LINE-HEIGHT: 150%; FONT-FAMILY: 'Palatino Linotype'; mso-ansi-language: PT"><FONT color=#0099cc>Realmente, o hábito faz o monge e, neste caso, o manto do Vaticano muda mesmo as pessoas.<o:p></o:p></FONT></SPAN></P>
<P class=MsoNormal style="MARGIN: 0cm 0cm 0pt"><SPAN lang=PT style="FONT-SIZE: 10pt; LINE-HEIGHT: 150%; FONT-FAMILY: 'Palatino Linotype'; mso-ansi-language: PT"><o:p><FONT color=#0099cc> </FONT></o:p></SPAN></P>
<P class=MsoNormal style="MARGIN: 0cm 0cm 0pt"><SPAN lang=PT style="FONT-SIZE: 10pt; LINE-HEIGHT: 150%; FONT-FAMILY: 'Palatino Linotype'; mso-ansi-language: PT"><FONT color=#0099cc>Mas deve ser por estas atitudes arrogantes, de quem acha que tudo o que diz é lei e não admite discussões por não estar habituado a ser contradito, que balanço muito entre ser Católica ou Agnóstica.<o:p></o:p></FONT></SPAN></P>
<P class=MsoNormal style="MARGIN: 0cm 0cm 0pt"><SPAN lang=PT style="FONT-SIZE: 10pt; LINE-HEIGHT: 150%; FONT-FAMILY: 'Palatino Linotype'; mso-ansi-language: PT"><o:p><FONT color=#0099cc> </FONT></o:p></SPAN></P>
<P class=MsoNormal style="MARGIN: 0cm 0cm 0pt"><SPAN lang=PT style="FONT-SIZE: 10pt; LINE-HEIGHT: 150%; FONT-FAMILY: 'Palatino Linotype'; mso-ansi-language: PT"><FONT color=#0099cc>PS – é só da minha vista ou a maioria dos termos referentes ao Papa soa sempre assim um tanto ou quanto pitoresco? Não sei porquê, mas dá-me sempre vontade de rir expressões como “visita papal” ou “papa-móvel”…<o:p></o:p></FONT></SPAN></P>
<P align=left></FONT> </P>
<P align=center><STRONG><FONT face=Georgia color=#0099cc size=2></FONT></STRONG> </P>

...

nikolaus15.jpg


Sim, o Pai Natal já partiu da Lapónia no seu trenó carregadinho de Presentes para todos nós...


Sente-se logo a sua presença na aragem fria que se faz sentir...segue-o uma corrente de vento do Norte...


Bolas, que está um frio do catano!!!


Felizmente está um sol delicioso, que faz maravilhas ao meu estado de espírito!!


Adooooooro dias assim!


:)

Acho que já descobri a minha Lullaby de hoje...

door1.jpg

...

Watched my life pass me by -- in the rearview mirror
Pictures frozen in time -- are becoming clearer
I don't wanna waste another day -- stuck in the shadow of my mistakes -- yeah

Cause I want you -- and I feel you -- crawling underneath my skin
Like a hunger, like a burnin -- to find a place I've never been
Now I'm broken, and I'm faded -- I'm half the man I thought I would be
But you can have -- what's left of me.

I've been dying inside -- little by little
Nowhere to go -- I'm goin outta my mind
An endless circle -- runnin from myself until
You gave me a reason for standing still

And I want you -- and I feel you -- crawling underneath my skin
Like a hunger, like a burnin -- to find the place I've never been
Now I'm broken, and I'm faded -- I'm half the man I thought I would be
But you can have -- what's left of me.

Fallin' faster -- barely breathing
Give me somethin to believe in
Tell me it's not all in my head

Take what's left of this man
Make me whole once again

Cause I want you -- and I feel you -- crawling underneath my skin
Like a hunger, like a burnin -- to find the place I've never been
Now I'm broken, and I'm faded -- I'm half the man I thought I would be
You can have, all that's left, (yeah, yeah, yeah) what's left of me


I've been dying inside you see
I'm goin outta my mind (outta my mind)
I'm just runnin' in circles all the time
Will you take what's left? x3 -- of me
I'm just runnin' in circles in my mind
Will you take what's left? x3 -- of me
Take what's left of me

(Nick Lachey)

...

814-00642329t.jpg


 


             I can't stop...


                ...thinking about you...

Passo a publicidade...

logo.jpg


 


Os espaços comerciais na TV são sempre um aborrecimento, porque se traduzem na interrupção de um filme ou um outro programa qualquer que estamos a apreciar e, como normalmente duram uns 20 minutos, às vezes até nos esquecemos do que estávamos a ver. Mas, confesso que por vezes é algo refrescante ver os anúncios, porque lá surge um ou outro muito bem pensado e que dá realmente gozo ver.


Estou a lembrar-me da maioria dos anúncios da Optimus, que eram sempre excelentes, ou de um que passa recentemente que acho que está extraordinário, que é o da Citroën Picasso. Ou seja, de vez em quando vale a pena perder alguns minutos a ver um ou outro anúncio.


E, porque estamos na quadra natalícia, começamos a ser bombardeados pelas Campanhas de Natal de todas as marcas e mais algumas, de todos os supermercados e mais alguns...enfim...o apelo ao verdadeiro espírito do Natal, que é a luz consumista que nos ilumina e guia.


Todos os anos o Jingle é o mesmo e apela ao que de melhor há em nós. Quantos mais presentes pudermos oferecer e quanto mais caros forem, melhores seremos enquanto pessoas.


É mais ou menos assim: Natal...Pai Natal...Saco...Presentes, Presentes, Presentes, Presentes, Presentes, Presentes, Presentes.................................................Filas em todo o lado e mais algum para comprar tudo e mais alguma coisa.


Como se não bastasse a chuva de anúncios de puro consumismo, há ainda os que aliam o consumismo ao verdadeiro espírito de fortalecer os laços familiares nesta época festiva. E estes sim, valem realmente a pena.


Quanto a mim, a estatueta com o Óscar vai para o recente anúncio da TV Cabo.


Se a TV Cabo já se podia orgulhar de ser a empresa com mais queixas dos consumidores, pelo mau serviço prestado e pelas altas capacidades fraudulentas, agora pode orgulhar-se de ter o melhor anúncio do momento na TV Nacional.


Ainda não me tinha sentido tocada pelo espírito do Natal, mas ontem, enquanto preguiçava no sofá, enrolada no edredão, à espera que continuasse o filme horroroso que estava a ver (que não era nada sensível e me estava a deixar entediada) fui finalmente atingida pela luz!!! Aleluia!!! Tocaram os sinos!!!


Percebi finalmente que a razão pela qual não sou completamente feliz tem a ver com o facto de não ser cliente da TV Cabo.


Acho que este ano, em vez de entupirmos as redes de telemóveis nas noites de Natal com sms’s a desejar Festas Felizes à nossa família e amigos, devemos enviar sms’s com o seguinte teor:


“Pai, só 4 canais não dá! Vou bazar. Tchau”


(Aqui além do espírito natalício podemos encontrar o melhor da língua portuguesa, especialmente quando nos estamos a dirigir aos nossos pais)


“Sem TV Cabo, estavas à espera de quê?”


(Revoltem-se os filhos e está na altura de aumentar o nº de divórcios em Portugal, porque chefe de família que é chefe de família deve ser cliente TV Cabo e fazer a família feliz)


Que pena que a minha filha ainda não entenda plenamente sobre isto dos valores! Estou ansiosa para que cresça mais um pouco para poder ministrar-lhe longas dissertações sobre valores familiares e TV Cabo.


Quanto a mim, vou já começar a melhorar a minha vida…Decidi que neste Natal não vou comprar nem Peru nem Bacalhau para a Consoada…qualquer torradita e café com leite serve e assim já posso pagar a prestação da TV Cabo e ter um Natal Feliz!

...

2in1.bmp


Queria ter uma caneta…
…de tinta especial…
Queria ter um caderno…
…de papel especial…

Às vezes é tanto o que quero escrever, que não consigo escrever nem metade…porque não sou de todo tão rápida como os meus pensamentos…
E queria saber…
Queria saber como se descrevem as emoções…os sentimentos…
Queria saber como se escreve o que se sente por alguém…

Mas acho que não vou saber…mesmo com uma caneta de tinta especial, a deslizar num caderno de papel especial…

Mas de vez em quando, consigo anotar mais qualquer coisa…uma nota de rodapé no meu livro de emoções…

Hoje consegui apreciar algo de bom neste dia de temporal…
Estou aqui a deleitar-me com uma bebida quente e a pensar que o bom de um dia de temporal é poder estar aqui no meu cantinho protegida do vento e da chuva que percebo estar lá fora, olhando pela janela.

E dei por mim a pensar que és a minha “bebida quente” neste dia de temporal…o bom de um dia de temporal é o calor do teu abraço…

Estou ansiosa por sair para o meio do temporal, para te poder voltar a abraçar…

...

700-00617523t.jpg


Cúmulo de factores intensificadores de PREGUIÇA


 


- Ser sexta-feira


- Chover a cântaros


- Estar frio


- Dormir poucas horas


- Ter saudades das pantufas, do pijama, da almofada, do edredão


- BOSS AWAY


 


Nota de rodapé:


Parece haver invariavelmente uma co-relação entre o factor assinalado a letras garrafais e a preguiça...mais do que qualquer outro factor...será fraqueza?

Declaro oficialmente aberto, para mim...

812-00591155t.jpg

...o Inverno...

No calendário ainda estamos só no Outono, mas eu costumo sentir que estou realmente no Inverno quando uso pela primeira vez uma camisola de gola alta ou uma camisola de malha.

Ontem foi o primeiro dia em que vesti uma camisolita de gola alta, que até soube a pato...só faltou cuspir as penas (Ai, ca nojo!!)...

E, portanto, esse facto aliado a, no espaço de aproximadamente um mês já ter apanhado valentes molhas, faz-me sentir que, qual Outono, qual folhas secas, qual quê, é mas é Inverno...

Natureza morta era coisa que não faltava esta manhã pelas ruas...era folhas, era ramos inteiros de árvores, era caixotes do lixo, era chapéus de chuva esventrados...tudi, tudi...

E, posto isto, declaro que tenho oficialmente os pés e as botas e as calças encharcados, assim como a Areias Quentes, e não conseguimos pôr a porcaria do mini-aquecedor a funcionar para nos secar as botas!

Ainda falta muito para a Primavera-Verão?

Pág. 1/3