Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Curly aos Bocadinhos

Curly aos Bocadinhos

Para o que me havia de dar!

Tirar as capas do sofá grande.

Que bem precisavam de tomar um grande banho de espuma.

Tenho a sala em estado de sítio, com almofadas empinadas (as porcas), o sofá desmontado (semi) e estou de castigo na cozinha. 

Sim, tenho outro sofá, mas está ocupado com mantas e almofadas e o coiso.

Se calhar esta noite vejo TV sentada no chão, porque o dia não está absolutamente brilhante ao nível da meteorologia. Céu azul e solinho porque é Verão? Só se estiver assim no Algarve. Aqui quase cheira a Outono, já. 

Vamos ver, pode ser que enxugue a tempo. 

Senão faz-se uma noite de livros ou de meditação ou de voodoo ou assim, qualquer coisa para ser diferente.

 

Se a coisa ficar com bom aspecto, talvez amanhã decida ter a mesma trabalheira com o sofá mais pequeno. A não ser que o S. Pedro decida mandar vir um dia de Inverno, o parvo!

 

Só vos digo, esta merda do trabalho doméstico é coisa que nunca mais acaba, xiça!

Conselhos para a vida doméstica

Frascões de cogumelos

Lembram-se do tal frascão de cogumelos que não conseguia abrir nem à lei da bala?

Depois esqueci-me de contar que o irmão do Semi-Deus conseguiu abrir o que a mãe deles tinha que era igual e contou-me o truque para eu experimentar com o meu.

Ora então, se algum dia vos oferecerem um frascão de cogumelos, muni-vos de um belo facalhão (deu-me jeito ter uma daquelas facas do Continente, senão acho que tinha partido a lâmina das outras mais pequenas), espetai-o no cimo da tampa até fazer um buraquinho e...voilá! É só rodar a tampa e ela sai!

 

Guardar bikinis e fatos-de-banho

Comentei com a minha mãe que, na altura de arrumar as coisas para as férias, dei conta de que, à excepção dos dois bikinis mais recentes, todos os meus outros bikinis estão em condições de ir para o lixo. Ficaram todos secos e com os elásticos repuxados, portanto, vesti-los é capaz de não correr bem, no que ao tapar certas partes diz respeito.

Então a minha mãe disse-me que tem conseguido manter os fatos-de-banho dela impecáveis de ano para ano com o seguinte truque: depois de bem lavadinhos e enxutos, guardá-los num daqueles sacos para congelar com fecho.

media.jpg

Pronto, lavei todos os meus bikinis e os da Madalena, secaram e agora estão devidamente guardadinhos nesses saquinhos (apenas os que estão bons, os outros nem valia a pena).

Vamos ver se para o próximo Verão a coisa resultou!

 

Quem é amiga, quem é?

Petit Me torna-se um Cidadão do Mundo!

Sim, porque em certos sítios uma pessoa ficou com a impressão de que o miúdo era um clandestino ou um bastardo ou isso.

 

Pronto, daqui a uns dias o jovem terá o seu Cartão do Cidadão (que agora ainda só tem o documento temporário), com a bela fotografia a fazer sorriso de gozão e para o ano podemos tentar novamente entrar em Gibraltar ou quiçá noutra fronteira qualquer rigorosa que já não nos dizem "You can go straight back to Spain, Sir".

 

 

PS - Não se preocupem, eu até percebo (e agradeço) que haja estes controles em certas fronteiras. Porque nunca se sabe quem anda a tentar passar crianças que não são suas, ou sem autorização para o fazer...

Adivinhem que livro lindo, lindo é que repousa na estante cá de casa?

Não adivinham? Está bem, eu digo-vos. Mas só porque me estão a puxar muito o braço.

image.jpg

 

Taraaaan!

Ofereci-o à minha mãe no seu aniversário. Ela já o leu e tinha-o lá no Alentejo para eu o trazer. Fofa, não é?

E diz que sim, é bom, como eu imaginei. Sem qualquer spoiler, mas diz que é muito bom.

Já o folheei e fiquei encantada porque é muito bonito por dentro. 

Estou cheia de vontade de o ler. Depois retorna à procedência mas, para já, fica lindo ali na estante à minha espera.

Ainda não acabei o calhamaço. Já faltou mais. Estou perto das 700 páginas. 

Mas quem é que me mandou pegar num calhamaço em pleno Verão e férias e tal?

Oh well, ao menos fico mais culta, porque livros grandes impressionam, verdade?

Holidays' Blues

Marcos, hoje de manhã:

 

"Eu não quero ir para a Escola! Quero ir para casa da avó Ana"

 

Pai: "Então, mas não queres ir brincar com o José?"

 

Marcos: "Em casa da avó Ana também há um José!"

Pág. 7/7