Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Curly aos Bocadinhos

Curly aos Bocadinhos

Confissões

Sempre tive uma pancada com papelarias. Quando entro numa papelaria começo a sentir um formigueiro por mim acima e de repente olho em volta e quase tudo o que se encontra na loja me parece que são coisas de que preciso. Não preciso, mas de repente preciso. De canetas, lápis, cadernos, dossiers, papéis coloridos, borrachas, postais, calendários, agendas, tudo de repente me parece que ficava bem lá em casa. E que me faz falta.

 

Às vezes tenho de fugir das papelarias assim que começo a sentir o formigueiro. Porque senão é um atentado à carteira. E depois o Semi-Deus refila que não tem espaço para as cenas dele lá em casa, porque eu ocupo tudo com tralhas assim.

 

Ter um problema destes agrava-se quando se dá com o site da Papelaria Inédita. É uma desgraça. Era capaz de passar o dia a babar com todos os produtos. E parece-me que tudo me faz falta ou era fofinho para esta ou aquela ocasião. Hoje apaixonei-me por uma agenda para 2014 (como estou em modo Jingle Bells também acho que já se aproxima o novo ano). E por uns copos de papel lindos para uma festa de aniversário da Madi. E uns pratinhos de papel. E uns cadernos. E uma lancheira para o Marcos. E umas molduras.

 

Um formigueiro, só vos digo. Um formigueiro por mim acima. Não posso ter paixões destas. Estes sites são uma perdição. É que eu tenho muitas pancadas. Esta é apenas uma delas.

2 comentários

Comentar post