Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Curly aos Bocadinhos

Curly aos Bocadinhos

Leitura Terminada

boneca.jpg

Sinopse

O teu nome está na lista. Conseguirás salvar-te?

William Fawkes, um controverso detetive conhecido por «Wolf», acabou de ser reintegrado no seu posto após ter sido suspenso por agressão a um suspeito. Ainda sob avaliação psicológica, Fawkes regressa ao ativo, ansioso por um caso importante. Quando se encontra com a sua antiga colega e amiga, a inspetora Emily Baxter, num local de crime, tem a certeza de que é aquele o grande caso: o corpo que encontram é formado pelos membros de seis vítimas, suturados de modo a formar uma marioneta, que ficou conhecida como «Boneca de Trapos». Fawkes é incumbido de identificar as seis vítimas, mas tudo se complica quando a sua ex-mulher, que é repórter, recebe uma carta anónima com fotografias do local do crime, acompanhada de uma lista na qual constam os nomes de seis pessoas e as datas em que o homicida tenciona assassiná-las. O último nome da lista é o de Fawkes. A sentença de morte com data marcada desperta as memórias mais sombrias de Wolf. O detetive teme que os assassinatos tenham mais a ver com ele — e com o seu passado — do que qualquer um possa imaginar.

 

Este livro tem um excelente ritmo e é macabro o suficiente para nos manter intrigados na leitura. Além de ser bastante visual, consegue fazer-nos sentir que estamos a ver as cenas como se fosse um filme.

A forma como se vai descobrindo a quem pertence cada membro do corpo encontrado é bem conseguida e cria no leitor dúvidas constantes sobre o que vem a seguir e sobre quem estará por detrás dos crimes, especialmente depois de desvendada a lista dos futuros homicídios, que a policia, por mais que tente, não parece conseguir impedir.

Também são bem conseguidas as ligações com o passado, quer em relação a Wolf, quer em relação a um caso passado (julgamento de Naguib Khalid) que esteve na origem dos problemas psicológicos do detective.

A trama vai tendo um bom crescendo e estamos sempre receosos com mais uma descoberta sobre as vítimas que compõem a boneca de trapos, as novas vítimas e o que poderá acontecer a Wolf que parece estar na mira do assassino. E, portanto, é bastante viciante.

E tem uma razoável caracterização psicológica de várias personagens, em especial do corpo policial, o que ajuda a humanizar e a não dar aquela ideia do polícia super-herói. Bem pelo contrário, está bastante presente um certo conceito do anti-herói.

E o final é bastante surpreendente, porque ainda que sejam criadas dúvidas em torno daquela personagem, pensei sempre que no fim a coisa seguisse outro rumo ou houvesse outra explicação. E nesse sentido é uma conclusão interessante, porque é diferente do habitual.

É um livro que recomendo. Dei-lhe 4 estrelas no Goodreads, mais porque percebi a lógica por detrás da conclusão, mas teria preferido outro caminho. Além de ter sentido que ficou uma ou outra ponta solta, mas o livro parece fazer parte de uma série, portanto temos de continuar a ler para saber o que acontece a seguir.

Até creio que tenho aqui por casa também mais um volume deste autor, daqueles que a minha primocas me emprestou. Portanto, tenho de o ir espreitar um dia destes.

 

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.