Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Curly aos Bocadinhos

Curly aos Bocadinhos

Leitura totalmente Natalícia terminada!

a7133583ff0127891ca6e7929e7307f6.jpg

  
 

 

 

 

 

 

image (1).jpg

 

Sinopse

 

Uma história deliciosa, cheia de humor, segredos… e milagres

O Natal sempre foi uma época triste para a jovem viúva Holly Brown, por isso, quando lhe pedem para cuidar de uma casa remota nas charnecas do Lancashire, a oportunidade de se esconder é irresistível - a desculpa perfeita para esquecer as festividades. Escultor, Jude Martland, decidiu que este ano não haverá Natal depois de o irmão ter fugido com a sua noiva, e faz questão de evitar a casa da família. No entanto, terá de voltar na Noite de Reis, quando a aldeia de Little Mumming celebra as suas festividades e toda a família é obrigada a comparecer. Enquanto isso, Holly começa a descobrir que, se quer evitar a Natal, veio para o local errado. Quando Jude regressa inesperadamente na véspera de Natal não fica nada contente ao constatar que Holly parece estar a organizar a festa de família que ele esperava evitar. De repente, uma tempestade de neve surge do nada e toda a aldeia fica isolada. Sem fuga possível, Holly e Jude encontram muito mais do que esperavam - parece que a quadra natalícia vai ser bastante interessante!

 

a7133583ff0127891ca6e7929e7307f6.jpg

 

Como não podia deixar de ser, o livro escolhido para o Natal foi mais um livro da Trisha Ashley, que me foi emprestado pela minha primocas. Já estava ali na estante há uns tempos, mesmo à espera que chegasse a época natalicia, porque era o livro mais apropriado.

 

E não desiludiu. Estou tentada a dizer que foi o livro de Trisha Ashley que mais adorei!

 

Porque começa com a personagem principal numa fase muito complicada da sua vida pois, depois de ter enviuvado muito cedo na altura do Natal, também perto do Natal perde a sua avó. Holly, apesar do nome muito natalício, tem tudo menos espírito natalício, desde logo devido à educação religiosa que teve com os avós, com quem foi criada, mas também por ter perdido todas as pessoas mais queridas perto dessa altura. Assim de facto era difícil.

 

Holly é chef de profissão mas, chegado o Inverno, tem um segundo ofício que passa por tomar conta de casas de outras pessoas. Sendo que na altura do Natal gosta de ficar no sítio mais remoto possível, sem qualquer contacto com outras pessoas, para curtir a sua dor sozinha e se afastar de todo o contágio natalício.

E é isso que pretende quando inicialmente chega a Little Mumming. Mas depois as coisas não correm bem assim.

Depois há todo um corropio de pessoas, um cão, uma égua, uma cabra que circulam à sua volta e não a deixam em paz. Especialmente porque, ao ler os diários da avó, começa a desconfiar que pertence à família daquela casa. 

È uma história muito ternurenta, que nos fala sobre a família, sobre amizade, sobre ajuda, sobre o respeito pelos mais velhos, sobre decorações de Natal que entretanto se espalham por aquela mansão de sonho, de comida, muita, muita comida, senhores, que este livro dá uma fome danada, credo!!!

Já sabemos que a Trisha pende os seus livros para uma pitada de culinária, mas este só me dava vontade de comer. 

Por um lado gostava de ter conhecido Jude mais cedo na história, por outro até teve piada o timmings da coisa, porque se cria toda aquela fricção inicial entre os dois, que depois se dissipa e dá lugar a algo diferente.

 

Apesar de ser um livro previsível, é um livro romântico, terno, muito, muito natalício, com muita neve e decorações natalícias e literalmente delicioso (houve momentos em que quase dei dentadas no próprio livro)!

Adorei!

 

a7133583ff0127891ca6e7929e7307f6.jpg

  
 

 

 

 

 

 

 


  


 

 

 

 

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.