Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Curly aos Bocadinhos

Curly aos Bocadinhos

O filme da máquina de lavar roupa

Se calhar não lhe devia chamar o filme, mas sim uma série com 5 temporadas, porque foi o que pareceu!

Então, a máquina de lavar roupa avariou, creio que no início de Agosto. Partiu-se aquela peça que segura o tambor. Ainda pedimos orçamento para arranjo, mas era tão caro...e como achámos que a máquina já devia ter uns 10 anos (já estava na casa que comprámos), ponderámos e decidimos comprar nova. Até porque depois se consegue ir buscar um modelo mais recente, com mais capacidade de carga e mais funcionalidades. A que estava na casa, por exemplo, era um modelo que lavava bem, mas não tinha programa curto, que era uma coisa que dava imenso jeito para aquelas lavagens rápidas e com pouca roupa, tipo equipamento de ginásio. Era algo que tínhamos na outra máquina que ficou na casa antiga e que dava um jeitão. E não tinha mostrador, portanto nunca sabia quanto tempo ia demorar um programa. E também não tinha aviso de final de programa e só tinha capacidade para 5Kg.

Portanto, vamos lá comprar uma máquina nova!

Qual é o catch aqui? A máquina tinha de ser das encastráveis. E aí começa o filme!

A cozinha tem todos os eletrodomésticos de uma certa marca, começada em Z e acabada em I, e achámos boa ideia manter a marca, especialmente por causa das medidas que iam permitir que a nova máquina encaixasse na perfeição no espaço destinado.

Bom, então fomos à Worten tratar da compra da máquina. Escolhemos o modelo e fomos informados de que não tinham em stock máquinas encastráveis, porque tem quase sempre de ser sempre feita encomenda ao fabricante. Mesmo que vejam no site que entregam em 2 ou 3 dias, o mais provável é que seja informação errada, porque dificilmente terão o artigo em stock.

Mas pronto, pedimos então para tratarem de pedir a máquina e pagámos na loja o full price da máquina.

E disseram-nos que ia demorar tipo 1 mês. E agendou-se a entrega.

Uma pessoa até azedou, mas pronto, eh pá, ainda tinhamos aí duas semanas de férias e tal, pronto, ok um mês pode ser e nas outras semanas em casa passamos na lavandaria.

Estamos a dia 13 de Outubro e apenas hoje me entrou uma máquina nova pela porta! Quase chorei de tanta emoção!!

A quantidade de vezes que tivemos a entrega agendada e depois era cancelada porque o artigo ainda não estava disponível foi de rir. E ainda fomos lá uma vez à Worten e trocámos por outro modelo da mesma marca que supostamente a Worten teria 50 em stock, mas afinal era stock virtual (era encomenda ao fabricante) que não foi entregue e mais uma vez nada de máquina.

Depois voltámos a reclamar e acabou por chegar finalmente a primeira máquina que tínhamos escolhido. Porque entretanto chegou stock desse modelo mas, se não fosse o Semi-Deus notar alterações no site no período de previsão de entrega dos modelos, ainda hoje estávamos à espera. Porque ninguém nos dizia nada nem a ninguém ocorreu perguntar a um cliente que já estava à espera há tanto tempo se queria o primeiro modelo.

A Worten até fez ali um desconto comercial pelo prejuízo, mas eh pá, que desatino!! A chatice e a despesa de ter de ir para a lavandaria todas as semanas!

Mas, enfim, a Worten de facto não tinha culpa, era mesmo problema de backlog do fabricante – com isto se percebeu o impacto do Covid em Itália, porque devido a isso tiveram as fábricas fechadas e então estavam com tudo atrasado, segundo confirmámos com a própria marca.

Infelizmente o sistema interno da Worten é péssimo, as lojas não comunicam da forma certa com o cliente e outros departamentos, o departamento das entregas não sabe do stock, é altamente! Adorava quando nos ligavam a perguntar se sabíamos da máquina porque tinham o agendamento feito e era para saber se havia equipamento. Surreal! No fundo, sentimos que durante mais de 2 meses estivémos a trabalhar para a Worten, mas pagámos para o fazer. Um privilégio!

É que depois não queríamos cancelar a coisa e ir a outra loja começar o processo de novo, porque íamos ter o mesmo problema e era novamente uma roleta russa.

Quando o Semi-Deus hoje me disse que lhe estavam a ligar a avisar que dali a 40 mimutos iam passar em casa para entregar a máquina eu ainda não queria acreditar. Só acreditei mesmo quando me tocaram à campainha e abri a porta e vi com estes olhos a máquina.

Bom, finalmente tenho o genuíno prazer de ouvir novamente uma máquina da roupa a lavar nesta cozinha! Música para os meus ouvidos! E duas máquinas já foram! Que maravilha!

Aleluia!

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.