Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Curly aos Bocadinhos

Curly aos Bocadinhos

Welcome, Winter!

72ca9b0428725e1826ef5487ebcb1837.jpg

 

e24b31ea229bc7f66311d8010b1d23d1.jpg

 

 

Depois de ontem ter questionado a possibilidade de se acender a lareira este Natal (porque o tempo não tinha de facto arrefecido), hoje sim, senti frio! Chegou mesmo o Inverno e fez-se anunciar com uma descida da temperatura.

 

Hoje levámos o Marcos à Vila Natal, em Óbidos. Ficámos contentes pelo céu azul e solinho, mas à sombra não se podia estar. Estivémos um bocado à sombra a ver um espectáculo e à espera para entrar na casa do Pai Natal e fiquei completamente gelada. Nem sentia as mãos, já. 

 

Acabei por comprar um gorro que me piscou o olho logo na primeira vez que passei por ele. Afinal, é Natal, ofereci uma prendinha a mim própria e nem sabem, é tão bom, todo forradinho e quentinho, veio mesmo a calhar. Acho que vou dormir com ele, considerando o quanto me custou chegar a casa e ter de o tirar das orelhas.

 

Sobre a Vila Natal: ainda bem que fomos num dia de semana. Mesmo assim, nem sabem a quantidade de pessoal que por lá andava. Principalmente grupos de crianças, de ATL's e Centros Sociais etc. Paletes de people. Ao fim-de-semana então devia ser impossível lá andar! 

 

O Marcos adorou andar no comboiozito, fartou-se de rir no espectáculo de magia (era mais de humor do que de magia, mas também me fartei de rir com o rapaz), gostou do Pai Natal. E gostou do Mickey à saída, que lhe fez uma espada com um balão.

 

Depois do Pai Natal e do gorro fomos a correr até ao quiosque do chocolate quente, que foi o que me aqueceu as mãos (e a alma). A seguir viemos embora, antes que apanhássemos a confusão daquela malta toda a sair. E estava a ficar mesmo mais frio. 

 

Ainda à saída, não resistimos a comprar umas castanhas assadas, mas definitivamente este ano não é o ano das castanhas assadas. "Quentinhas e boas" o catano, estavam frias, e montes delas tinha bicho. Enfim, acho que vou ligar para a ASAE para haver algum controlo a estes ciganos vendedores de castanhas. 

 

Em comparação, achei que a Vila Natal na primeira vez que lá fui tinha uma decoração muito mais gira. Mas será uma questão de gosto pessoal. Não gostei de alguns elementos decorativos que por ali andavam, que tinham muito pouco de natalício (tipo umas criaturas meio pré-históricas) e de terem feito ali um pouco de ligação com o circo. Mas isso é porque eu não gosto de circo.

 

Amanhã é dia de retiro espiritual na cozinha, armada em elfo cozinheiro. 2 dias para o bacalhau! Yay!

 

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.